Recordar Angola. Fotografias e histórias. Books and photos, livros e memórias

Ambriz, Ambrizente, Benguela, Caála,Cabinda,Caconda,Camambatela, Cambambe, Carmona(Uíge),Catumbela,Cela,Chiloango,Chingorói,Chinguar,Cubal,Cuchi,Cuíto,Cuma, Cunene, Dirico, Dondo, Dundo,Gabela,Ganda,Camacupa Saurino,Landana,Lobito,Longonjo,Luacho,Luanda, Luso, Malanje,Mavinga, Moçâmedes(Namibe), Moxico, Mussungue, Negage, Nova Lisboa (Huambo),Nova Sintra(Catabola), Novo Redondo (Sumbe),Ongiva,Porto Alexandre,Porto Amboim,Ruacaná,Lubango,Salazar,Sanza Pombo,Bailundo

A minha fotografia
Nome:
Localização: Parede, Portugal

terça-feira, julho 26, 2011

Altino Pereira nas Memórias Africanas, Rádio Sim, Paulo Salvador

23 de Julho de 2011. Altino Pereira (ouvir)



Nasceu em terras transmontanas mas nunca esqueceu Angola. Ele foi enviado para África de castigo, pela mãe, mas que ainda hoje agradece tamanha punição pois para sempre ficou ligado a Angola e por ela enfeitiçado. Hoje vive no norte, no Porto, mas sempre de espírito apontado para a sua vida africana. Aliás, ele até resolveu escreveu tudo o que se lembra num livro que se chama "Memórias de Angola"

segunda-feira, julho 18, 2011

Silva e Castro nas Memórias Africanas, Rádio Sim, Paulo Salvador

16 de Julho de 2011. Silva e Castro (ouvir)



O Tenente-coronel Silva e Castro tem histórias notáveis do seu passado enquanto cartógrafo e elemento dos serviços de informação da Força Aérea Portuguesa. Certo dia, este homem chega-se ao seu superior e pede-lhe autorização para acabar com a guerra em Moçambique. Trata-se de um homem muito atento ao mundo que o rodeia e que praticamente passou a maior parte da sua vida no ar. Poucas são as máquinas voadoras que ele não sabe pilotar. Em terras africanas começou a aprender e nunca mais parou. Andou por Angola, Moçambique, Cabo Verde e Guiné.

sexta-feira, julho 15, 2011

Fernando Dacosta nas Memórias Africanas, Rádio Sim, Paulo Salvador




Jornalista e escritor, Fernando nasceu em Luanda e cedo veio para o norte de Portugal. Voltou a Angola como jornalista. Privou com Salazar e com a "mulher mais poderosa da ditadura" a D.Maria. Ele tem mais de 20 obras publicadas. Entre muitos temas, ele escreveu sobre "Os retornados que mudaram Portugal” e “Moçambique, todo o sofrimento do mundo.” Para este luandino não podemos existir sem memória e a dele vale mesmo a pena escutar

terça-feira, julho 05, 2011

João de Mucaba nas Memórias Africanas, Rádio Sim, Paulo Salvador

02 de Julho de 2011. João de Mucaba (ouvir)



Pela sua história, pela sua força e sinceridade, comoveu perto de um milhão de portugueses no passado dia 20 de Junho quando revelou o seu segredo africano às câmaras da reportagem da TVI. Chama-se João de Mucaba Carvalho Lessa e nasceu em Mucaba, Angola.Perto dos 50 anos de idade descobriu que a sua familia de nascimento, que julgava morta, estava afinal viva. Que afinal ele tinha um outro nome e uma outra vida que ficara em segredo todos estes anos. Uma conversa de emoções, traumas e reencontros.

25 de Junho de 2011. Carlos Macedo (ouvir)



O Fado e África ainda fazem parte do seu destino. Nasceu em Vila Nova de Famalicão mas a tropa levou-o a terras de Moçambique. Acabada a comissão não mais de lá quis sair. Apaixonara-se por aquele país. Instalou-se e fez daquela a sua terra. Levou o Fado para os trópicos até ao dia de partir. Ainda hoje toca e canta. Um dos últimos guitarristas-cantores com a alma presa em África. Uma conversa de amores, músicas e memórias

18 de Junho de 2011. Marianela Mirpuri (ouvir)



Ela entra pelas nossas casas em revistas e jornais. É a presidente de uma companhia de jactos privados e anteriormente pertenceu à Air Luxor, um negocio de familia iniciado em 1988. Marianela Corte Real Mirpuri nasceu em Angola. A sua mãe é do Cubal e ela é uma mistura de ascendências da Índia, Angola e Portugal. O seu pai era o dono do Bazar Oriental, em Luanda.