Recordar Angola. Fotografias e histórias. Books and photos, livros e memórias

Ambriz, Ambrizente, Benguela, Caála,Cabinda,Caconda,Camambatela, Cambambe, Carmona(Uíge),Catumbela,Cela,Chiloango,Chingorói,Chinguar,Cubal,Cuchi,Cuíto,Cuma, Cunene, Dirico, Dondo, Dundo,Gabela,Ganda,Camacupa Saurino,Landana,Lobito,Longonjo,Luacho,Luanda, Luso, Malanje,Mavinga, Moçâmedes(Namibe), Moxico, Mussungue, Negage, Nova Lisboa (Huambo),Nova Sintra(Catabola), Novo Redondo (Sumbe),Ongiva,Porto Alexandre,Porto Amboim,Ruacaná,Lubango,Salazar,Sanza Pombo,Bailundo

A minha fotografia
Nome:
Localização: Parede, Portugal

segunda-feira, abril 04, 2011

Memórias Africanas, Rádio Sim, com Rui de Freitas Lopes

09 de Abril de 2011. Convidado: Rui de Freitas Lopes (clique para ouvir)



Um homem de uma família de notáveis. O escritor Jorge de Sena, cunhado e o professor Óscar Lopes, irmão. Descobriu o que queria da vida quando lhe deram uns homens para fazer recruta. Andou por Timor, Moçambique e Angola. Na II Grande Guerra já ele estava aquartelado no Açores. Aos 88 anos editou um livro sobre histórias e peripécias da guerra colonial. Um homem com muitas coisas para nos contar.

Memórias Africanas, Rádio Sim, com "Balão"

02 de Abril de 2011. Convidado: António Pereira dos Santos (ouvir)



O seu pai era barbeiro e "vivia para o povo" e a mãe era de Benguela e a avó das terras do Cunene, junto à fronteira com a Namíbia. António é o "Balão", conforme gosta de ser chamado. Passeou-se por salões e festas com a sua voz cavada e imitações dos cantores da altura. Formou um grupo musical, meteu-se nas corridas, marchou na guerra e foi juntando muitas e boas memórias. Por entre Huambo, Luanda e Benguela, as memórias de um homem que diz nunca estar parado